Noticias

25 de out de 2011

Conheça o Parque da Cidade

Parque da cidade no Rio de Janeiro

 
História
 
De início uma propriedade particular, abrigava a residência de verão do Marquês de São Vicente – José Antônio Pimenta Bueno, construída em 1809.
A casa situava-se em local mais elevado, aos fundos do parque, onde atualmente funciona o Museu Histórico da Cidade.
Em 1939 a família Guinle repassou o imóvel ao governo do Distrito Federal, que então determinou sua conversão em parque público.
Em 1948, o Museu foi transferido para a sede da propriedade. O acervo atual inclui cerca de 20 mil peças, entre elas: o trono de D. João VI, esculturas de Mestre Valentim, gravuras de Debret, pinturas do século XIX, mobiliário da época e a aquarela tombada "Vista Interior da Praça do Commercio".
Localizado no bairro da Gávea, estende-se por 470 mil metros quadrados, até as proximidades do Parque Nacional da Tijuca, com o qual compõe uma grande área de proteção ambiental.
Parte do território é ocupada por mata fechada, e o restante, por um amplo parque ajardinado a céu aberto, serpenteado por um córrego represado – o que levou à formação de um lago e uma pequena ilha. É dotado de relevo íngreme e de ladeiras escarpadas, sobre as quais se adensa uma cobertura vegetal de porte considerável.

Parque da Cidade

Parque da Cidade


Localização

Localização
Estrada de Santa Marinha, 505, Gávea.

Área
47 ha

Tutela
Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMAC)

Horário
7h às 18h (às 19h na época de horário de verão).
Atrativos
O visitante é convidado a se integrar à natureza, o que é proporcionado pela característica da paisagem, entremeada por arboredos e cursos d'água, formando recantos intimistas.

Grande área gramada (ideal para piquenique), banheiros (feminino e masculino), play, churrasqueira (04) com mesas (04).

Estacionamento para aprox .98 carros

Nenhum comentário:

...

...

...