Noticias

21 de out de 2011

Salão do Turismo promove viagem pelas belezas do interior do estado

 


Conhecer o Rio de Janeiro por dentro. Essa é a proposta do Salão Estadual do Turismo, realizado de sexta-feira a domingo, na Praia de Copacabana, entre a Praça do Lido e a Avenida Prado Júnior. Na arena de 3.200 m², os visitantes poderão conhecer roteiros turísticos, comprar peças de artesanato e produtos rurais, assistir a atrações musicais e culturais, desfiles, palestras e encontros de negócios promovidos por representantes de mais de 50 municípios turísticos fluminenses.

Na sexta-feira, o evento será fechado para o trade – operadoras e agências de viagem, autoridades e imprensa. Mas, a partir de sábado, o grande público poderá se inteirar da diversidade de atrativos que as cidades do interior do Rio de Janeiro apresentam. Segundo o secretário de Turismo, Ronald Ázaro, o objetivo é aumentar o fluxo de turistas, já potencializado pela Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016.

– Uma pesquisa da Embratur mostrou que o turista que vem ao Rio procura sol e praia. Num raio de 200 quilômetros, ele encontra um litoral fabuloso de Búzios a Arraial do Cabo, com uma plataforma continental que permite a transparência da água até 40 metros de profundidade. Sem andar muito, é possível avistar exemplares de mata atlântica em Paraty ou, na cidade do Rio, no Maciço da Pedra Branca. Reunimos ingredientes como paisagem e geografia espetaculares, um bom momento econômico e o povo mais receptivo do mundo. Isso faz com que o visitante permaneça mais tempo e gaste seu dinheiro aqui – afirmou o secretário.

Outra finalidade é fortalecer o conceito de uma marca única do turismo no estado. Seis regiões receberam destaque por concentrarem os principais destinos turísticos do estado: Costa Verde (Angra dos Reis, Paraty, Itacuruçá e Ilha Grande); Costa do Sol (Araruama, Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Carapebus, Casimiro de Abreu, Iguaba Grande, Macaé, Maricá, Quissamã, Rio das Ostras, São Pedro da Aldeia e Saquarema); Vale do Café (Barra do Piraí, Engenheiro Paulo de Frontin, Mendes, Miguel Pereira, Paracambi, Paty do Alferes, Piraí, Rio das Flores, Valença, Vassouras), Metropolitana (Rio de Janeiro e Niterói), Agulhas Negras (Penedo, Engenheiro Passos, Itatiaia e Visconde de Mauá) e Serra Verde Imperial (Areal, Cachoeiras de Macacu, Comendador Levy Gasparian, Guapimirim, Magé, Nova Friburgo, Petrópolis, São José do Vale do Rio Preto, Teresópolis e Três Rios).

– O Rio de Janeiro tem alguns tesouros ainda escondidos e queremos fazer com que os turistas conheçam essas outras cidades maravilhosas – disse o diretor de Marketing da TurisRio, Guto Graça.

A geração de novos negócios para o interior também será estimulada. Produtos da agricultura familiar, como doces em compota, geléias, goiabada, embutidos, mel e derivados, cachaça de alambique, queijos e laticínios, produzidos em grande parte na Região Serrana, poderão ser degustados e comprados. A indústria de confecção da Serra Verde Imperial também estará presente, com desfiles da moda verão apresentando as novidades em biquínis, lingerie e fitness. O secretário de Agricultura, Christino Áureo, lembrou que a capital fluminense tem forte apelo para atração de turistas nacionais e internacionais, o que pode potencializar o turismo em outras cidades.

– Este evento é uma ótima oportunidade para fomentar a atividade associada ao interior, divulgando os circuitos de turismo rural e a produção das agroindústrias de base familiar do estado – avaliou.

O salão também terá cunho acadêmico. No Núcleo do Conhecimento, ou “Estado de Saberes”, estudantes e profissionais do trade turístico poderão participar de palestras, conferências, workshops e lançamentos. Do lado de fora da tenda, os aventureiros poderão praticar rapel e tirolesa em uma grande estrutura. Cerca de 40 mil visitantes devem passar pelo evento.
Por Charline Fonseca   -governo - rj 

Nenhum comentário:

...

...

...