Noticias

12 de jan de 2013

Nova Cedae aposta em tecnologia para evitar fraudes

 

Fotos de satélite, hidrômetros com telemetria e microfone superpotente estão entre as ferramentas utilizadas


Este ano, a Nova Cedae intensificará o trabalho de monitoramento do consumo de água em residências e estabelecimentos comercias. Desde 2007, a empresa aposta em tecnologia para identificar fraudes em sua rede.
Entre os equipamentos que detectam irregularidades, estão fotos de satélite, um sistema que capta ondas sonoras onde há desvios do fluxo de água e hidrômetros que monitoram o consumo em tempo real.



Cerca de 30 profissionais da Cedae, entre eles técnicos oriundos da Secretaria de Segurança, trabalham intensamente em parceria com a Delegacia de Serviços Delegados (DDSD) para garantir a economia de água e de recursos.


– Vamos dar continuidade e aperfeiçoar o combate a fraudes este ano. A ideia é utilizar cada vez mais tecnologias. O Rio é um dos poucos lugares onde você tem uma delegacia de polícia vocacionada ao combate a fraudes nos diversos concessionários – disse o presidente da Cedae, Wagner Victer.

Entre os equipamentos de verificação de “gatos” está o hidrômetro com telemetria. Chamado popularmente de ‘Big Brother’ por vigiar sem ser identificado pelos consumidores, o aparelho está sendo testado pela Cedae. A tecnologia garante a leitura on-line do consumo de água. A previsão é que, daqui a dois anos, mais de dois mil hidrômetros deste tipo estejam em funcionamento.

Parceria com o Disque-Denúncia

Fotos de satélite também têm sido utilizadas pela equipe de inteligência da Cedae. Segundo Wagner Victer, a tecnologia faz com que os profissionais possam verificar uma série de residências. Em seguida, eles realizam o cruzamento das informações com o cadastro de clientes.

Outra estratégia para verificar irregularidades é o Geofone, espécie de microfone superpotente. O equipamento capta as ondas sonoras onde há fluxo de água e verifica se há desvios. Vazamentos também podem ser identificados.

A Cedae também estabeleceu parceria com o Disque-Denúncia para garantir a descoberta de mais “gatos”. Muitos casos de irregularidade são solucionados por pessoas interessadas em fazer a denúncia. A equipe de inteligência também atua setorialmente.

Hotéis, postos de gasolinas, clubes, casas de festas, entre outros estabelecimentos, ainda apresentam muitas incidências de fraudes. Segundo a Companhia de Águas e Esgotos, bairros como Santa Cruz, Campo Grande, Bangu, Jacarepaguá, Recreio e Barra são os campeões em irregularidades.

fonte governo rj

Nenhum comentário:

...

...

...