Noticias

26 de jan de 2014

Carnaval de Rua 2014



 A Prefeitura do Rio, através da Riotur, apresentou nesta sexta-feira (24/01), na Lapa, o caderno de encargos do "Carnaval de Rua Rio 2014". Mais uma vez, repetem-se as parcerias com a Antarctica, patrocinadora do evento, e com a Dream Factory, empresa responsável pela produção e organização de do carnaval de rua na cidade.

 
Entre as principais novidades deste ano está o aumento do número de banheiros químicos, uma das maiores reivindicações dos foliões. Serão disponibilizados 21.596 posições (número 33% maior em relação ao ano passado), entre contêineres, cabines individuais e mictórios. Outra grande novidade é a parceria do governo municipal com o Corpo de Bombeiros, que sinalizará as saídas de emergência dos grandes corredores, como é o caso da Avenida Rio Branco, por onde passam blocos como o Cordão da Bola Preta e o Monobloco. A Secretaria Municipal de Saúde vai instalar postos médicos nos bairros que registram maior número de blocos e foliões, como o Centro, Ipanema/Leblon e Copacabana, além de disponibilizar 80 ambulâncias com UTI's móveis.
 
O secretário municipal de Turismo, Antonio Pedro Figueira de Mello, afirmou que o rigor também será maior com os carros de som, que deverão estar identificados e com a documentação em dia.
 
- Posso afirmar que teremos mais segurança neste ano. Além dessas medidas, estamos adaptando os blocos à rotina da cidade, e vice-versa, para evitar grandes aglomerações. Entre as alterações, modificamos o horário dos blocos que passam pelas praias, para evitar que grande número de banhistas se junte aos foliões - afirmou o secretário, acrescentando que a Prefeitura do Rio, através de órgãos como a CET-Rio, Comlurb e a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), está se preparando para receber nas ruas um público total de 5.070 milhões de pessoas. Em 2013, o carnaval de rua atraiu mais de 5,3 foliões. Destes, 1,2 milhão de turistas. Isto gerou para a cidade uma renda de US$ 848 milhões. 
 
- A parceria com a iniciativa privada é um modelo que vem funcionando muito bem. Sem falar que gera economia para a prefeitura e a agilidade característica do setor privado. Essa parceria tem que continuar, cada vez mais forte, com mais empresas interessadas e disputando seu lugar no carnaval do Rio  - disse o secretário, citando como exemplo o patrocínio da cervejaria, que resulta em economia de R$ 20 milhões na organização dos ambulantes nos blocos e na distribuição de 150 mil exemplares do Guia do Rio (com dicas sobre a cidade) e 500 mil guias de programação dos blocos.
 
São esperados cerca de 400 blocos desfilando pela cidade, divididos entre Centro (55,14%), Zona Sul (26,7%), Zona Norte (6%), Zona Oeste (5,46%), Barra da Tijuca (4,14%) e Tijuca (2,56%). A relação dos blocos do Rio autorizados pela prefeitura, com local e horário dos desfiles, será publicada na próxima terça-feira (28/01), no Diário Oficial do Município.
 
Ainda de acordo com o secretário de Turismo, o aumento do número de banheiros químicos (60 contêineres, 7.500 posições de cabines e 4.896 posições de mictórios) não será suficiente para manter a cidade limpa. Para ele, é fundamental que os foliões se conscientizem sobre a importância da sua utilização:
 
- Banheiro químico sem educação nunca será suficiente. São coisas que precisam caminhar juntas. As pessoas precisam ter a consciência de que não se pode entrar na fila de um banheiro quando se está no limite, porque elas não vão aguentar. E não adianta se dirigir ao banheiro e urinar do lado de fora.
 
A diretora de Projetos da Dream Factory, Luzia Kanepa, informou que a empresa credenciou cinco mil promotores de venda que vão atuar no comércio ambulante. A seleção se deu através da Internet, a partir de cadastramento online prévio realizado em dezembro e no começo de janeiro.
 
- Todos serão identificados por foto e coletes numerados, uma novidade para este ano. No começo de fevereiro, eles receberão seus kits, compostos por colete, credencial, isopor e guarda-sol - disse Luzia.
 
Para garantir o máximo de conforto e comodidade aos foliões e motoristas, as ações para o carnaval de rua deste ano incluem presença de 1.500 controladores de tráfego, 300 cones de 75cm, pickups que darão suporte ao trabalho dos agentes da Seop, 150 faixas de sinalização, 500 banners de trânsito e oito painéis de LED.
 
Duas avenidas importantes da cidade serão especialmente ornamentadas para celebrar o Carnaval de Rua: a Avenida Rio Branco, no Centro; e a Avenida Princesa Isabel, em Copacabana. Ambas serão decoradas com quatro pórticos, sendo dois em cada. No Centro, a Rio Branco ganhará 18 totens em sua decoração. Vale ressaltar que o projeto gráfico deste ano é assinado pelo cartunista Lan.
 
Além disso, com o objetivo de preservar o patrimônio público, a Prefeitura do Rio vai proteger com telas plásticas monumentos de locais que estejam no trajeto dos blocos, assim como os canteiros existentes nos pontos de maior concentração de desfiles. Para isso, serão utilizados 12 mil metros lineares de cercamento.
 
Patrocinadora do evento, a Antarctica anunciou, através de seu diretor de Marketing, Matheus Schroeder, que vai disponibilizar 30 mil passagens de metrô para os foliões que disseminarem a mensagem de consumo responsável. Um vídeo será divulgado pela empresa nas redes sociais e as mil primeiras pessoas que compartilharem, atingindo 50 visualizações, ganharão os bilhetes. Este concurso terá início em 10/02.

 Prefeitura - rj
 Autor: Flávia David / Fotos: Rodrigo Nogueira/Riotur


Mais Carnaval do Rio

Nenhum comentário:

...

...

...