Noticias

14 de fev de 2016

Conheça as obras de adequação do Parque Aquático Maria Lenk


A prefeitura apresentou, nesta sexta-feira (12/02/16), as obras de adequação do Parque Aquático Maria Lenk, na Barra da Tijuca, que receberá as competições de saltos ornamentais e nado sincronizado durante os Jogos Olímpicos Rio 2016. Na próxima semana, entre os dias 19 e 24, o local receberá a Copa do Mundo de Saltos Ornamentais, evento-teste que reunirá 272 atletas de 49 países na briga por 92 vagas olímpicas em provas individuais e de duplas sincronizadas. Em seguida, de 2 a 6 de março, será a vez da competição de nado sincronizado.


O prefeito percorreu parte da instalação, que ganhou uma nova piscina de aquecimento - ligada ao deque da piscina de competições por uma rampa - e uma sala com tanque seco para treinamento de saltos ornamentais. A plataforma de saltos e o posto médico também foram reformados e há novos banheiros para pessoas com deficiência. O investimento da prefeitura na reforma foi de R$ 21,4 milhões.

 
Após os Jogos Olímpicos, o Parque Aquático Maria Lenk manterá seu perfil voltado para o alto rendimento, mas seu papel será ampliado com a oferta de vagas para cerca de 800 alunos de projetos sociais. Estes jovens poderão praticar as quatro modalidades aquáticas olímpicas: natação, polo aquático, nado sincronizado e saltos ornamentais. Os alunos do Ginásio Experimental Olímpico da Arena Carioca 3 também vão utilizar o local para aulas de natação. Como acontece desde a sua fundação, o Maria Lenk continuará recebendo competições nacionais e internacionais.


O Parque Aquático Maria Lenk integra o Parque Olímpico, palco principal das competições durante os Jogos Rio 2016 (16 olímpicas e nove paralímpicas), que já atingiu a marca de 97% de conclusão das obras. Instalações como Arena Carioca 1, Arena do Futuro e o Centro Internacional de Transmissão (IBC) já atingiram 100% de conclusão. As arenas Cariocas 2 e 3, estão com 97% e 98% , respectivamente, seguidas do Estádio Aquático também com 97% das obras finalizadas. Além dessas instalações, o Parque Olímpico ainda conta com o Centro Principal de Imprensa - MPC (93%), o Centro de Tênis (90%), um hotel (90%) e o Velódromo (80%). 


Em dezembro de 2015, a quadra central do Centro Olímpico de Tênis foi inaugurada e recebeu o evento-teste Correios Brasil Master Cup. Já em janeiro de 2016, a Arena Carioca 1 foi entregue pronta para a realização de mais três eventos-teste: basquete, halterofilismo e luta olímpica.


Durante os Jogos, o Parque Olímpico sediará as competições de basquete, judô, taekwondo, luta-livre, luta greco-romana, handebol, tênis, ciclismo (pista), polo aquático, natação, nado sincronizado, ginástica artística, ginástica rítmica, ginástica de trampolim, esgrima e saltos ornamentais. Já nas Paralimpíadas, o complexo esportivo dará lugar às modalidades de basquete em cadeira de rodas, rúgbi em cadeira de rodas, judô, bocha, futebol de 5, golbol, tênis em cadeira de rodas, ciclismo e natação.

Prefeitura-RJ
 Autor: Juliana Romar / Foto: Beth Santos

Nenhum comentário:

...

...

...